Plataforma DealMatch reúne investidores qualificados que buscam oportunidades com startups

Da Redação

Por Da Redação

8 de abril de 2016 às 13:39 - Atualizado há 5 anos

Logo Black Friday 2020

Nossos melhores Cursos Executivos ou Programas Internacionais com até 50% off

Quero saber mais

Vem aí a melhor formação de líderes do Brasil

Logo Liderança Exponencial Aprenda as novas competências fundamentais para desenvolver uma liderança exponencial e desenvolva diferenciais competitivos para se tornar um profissional de destaque no mercado.

100% online, aulas ao vivo e gravadas

Próxima turma: De 14 a 17/Dez, das 19hs às 22hs

Inscreva-se agora

Fundada pelos investidores-anjo João Kepler e Pierre Schurmann, a DealMatch é uma nova plataforma para investidores que buscam oportunidades para investir em startups.

Com atuação em todo território nacional, a ferramenta foi criada para viabilizar bons negócios para os investidores e consequentemente para alavancar e contribuir com o desenvolvimento de startups consolidadas e com alto potencial de crescimento.

Com um posicionamento diferente no mercado, trata-se de um hub, uma importante Plataforma de Relacionamento e Investimento exclusiva de um grupo fechado de investidores qualificados que co-investem em startups selecionadas, diligenciadas e aprovadas pela curadoria em rodadas privadas de captação.

Os controles de acesso são muito rígidos, foram criados limitadores e barreiras que tem como propósito restringir o acesso ao público em geral. Não é, portanto, uma plataforma aberta de equity crowdfunding ou similar.

A DealMatch é liderada por investidores experientes e conceituados no mercado como Pierre Schurmann, João Kepler, Marco Poli, Camila Farani, Robson Del Fiol e Mike Ajnsztajn.

Por ser uma plataforma privada, só aceita startups que já tenham recebido aportes anteriores e que sejam indicadas por um dos Investment Partners como Aceleratech, Wow, Gávea Angel, Anjos do Brasil, entre outros.

“Dentre os diferenciais oferecidos pelo DealMatch, para aqueles que desejam investir em startups, estão o fato da plataforma não cobrar nenhuma taxa inicial ou mensal, ou seja, o investidor emprega 100% do seu capital diretamente na startup escolhida sem pagar taxas ou arcar com custos por valor investido”, explica o co-fundador da plataforma – João Kepler.