Pet Anjo compra sua principal rival e vê terreno fértil para crescer

Da Redação

Por Da Redação

20 de setembro de 2016 às 14:35 - Atualizado há 4 anos

Logo ReStartSe

GRATUITO, 100% ONLINE E AO VIVO

Inscreva-se para o Maior Programa de Capacitação GRATUITO para empresários, gestores, empreendedores e profissionais que desejam reduzir os impactos da Crise em 2020

Dia movimentado para as startups de animais de estimação. Além do aporte na DogHero, a Pet Anjo adquiriu sua principal concorrente, a Pet Hub.  A aquisição, que não teve o valor revelado, fará com que a Pet Anjo tenha alcance nacional e pule de cerca de 300 para mais de 5 mil prestadores de serviço cadastrados na plataforma.

A ideia de ambos os serviços é que esses prestadores realizem uma série de serviços para os pets, como banho, hospedagem e passeio de animais de estimação. A aquisição custou menos de R$ 1 milhão, de acordo com apuração do Estado de S. Paulo. “Nós estávamos com planos de expandir o Pet Anjo para o Rio de Janeiro, mas vimos que poderíamos nos consolidar em todo o mercado brasileiro. Com o Pet Hub, nós poderíamos chegar em todo o País mais rapidamente, já que eles tem um perfil de serviços muito parecido com o nosso”, destaca a cofundadora da Pet Anjo, Carol Rocha, ao Estadão.

Há uma diferença entre as duas startups: a manutenção da qualidade. A Pet Hub tinha muito mais prestadores, pois não exigia treinamento para que se cadastrassem na base. A Pet Anjo, por sua vez, requeria o treinamento e esse pode ser um problema para manter a base comprada ativa: ou a companhia abandona o atual padrão de qualidade, ou poderá perder prestadores cadastrados.

O objetivo da Pet Anjo com a aquisição é crescer em 50% o número de serviços prestados. “Queremos expandir os tipos de serviços e, em breve, queremos expandir para outros países da América Latina”, termina Carol.

(Via Estadão)

[php snippet=5]
E não deixe de entrar no grupo de discussão do StartSe no Facebook!