Os Segredos da Partnership: quanto mais sócios, melhor

Avatar

Por Júnior Borneli

26 de setembro de 2019 às 14:50 - Atualizado há 1 ano

Logo Black Friday 2020

Nossos melhores Cursos Executivos ou Programas Internacionais com até 50% off

Quero saber mais

Vem aí a melhor formação de líderes do Brasil

Logo Liderança Exponencial Aprenda as novas competências fundamentais para desenvolver uma liderança exponencial e desenvolva diferenciais competitivos para se tornar um profissional de destaque no mercado.

100% online, aulas ao vivo e gravadas

Próxima turma: De 14 a 17/Dez, das 19hs às 22hs

Inscreva-se agora

Na escola, minha professora de matemática usava o exemplo das laranjas pra ensinar divisão. Se eu tenho 10 laranjas e divido-as com um amigo, fico com 5 unidades.

Na nossa cabeça, dividir sempre significou ter menos. De 10 laranjas, me sobraram 5. Metade do que eu tinha antes.

No início da StartSe nós decidimos criar uma Partnership. Queríamos que todas as pessoas que viessem trabalhar conosco tivessem a oportunidade de se tornarem sócias da empresa.

Mas a lógica da Partnership desafia a matemática. Onde antes a divisão era sinônimo de perda, agora ela representa um ganho. É o tal do dividir para multiplicar.

Faça a conta comigo: quando uma empresa está no início, ela não tem valor de mercado. Então, nesse momento, é como se o empreendedor fosse dono de 100% de nada.

Daí ele convida uma nova pessoa para fazer parte da sociedade, com 20%, e essa pessoa traz clientes e faturamento. E a empresa passa a ter um valor de mercado, por exemplo, de 100 mil reais.

Em tese, o empreendedor que tinha 100% de tudo perdeu 20% da sua empresa ao permitir a entrada do sócio. Mas é melhor ser dono de 100% de nada ou de 80% de algo que vale 100 mil reais?

Essa é a matemática da Partnership. Quanto mais sócios você tiver, que levem a empresa para novos patamares, melhor. Grosso modo, o que importa é o valor das suas ações na companhia e não o percentual que você detém dela.

Nenhum funcionário se dedica tanto quanto um sócio. E quando você traz bons sócios para o negócio, ele cresce num ritmo acelerado. E se sua participação acionária for percentualmente menor, pouco importa, desde que o valor de mercado da empresa cresça.

Na StartSe temos 60 funcionários e 27 sócios. Nas empresas mais inovadoras do mundo esse é o modelo de gestão: partnership!

Quer aprender mais sobre isso, aprender como se constrói uma Patnership e ter acesso a documentos e contratos específicos?

Conheça o curso Sociedade e Cultura, da StartSe, que ensina sobre Partnership, Cultura e Gestão para o cenário atual de negócios. Aproveite as últimas vagas de 2019.

Acesse o site oficial do curso e conheça os detalhes.

Sociedade e cultura