O investimento-anjo agora anda de salto alto no Brasil. Leia o novo texto de João Kepler

Avatar

Por João Kepler Braga

15 de Maio de 2015 às 13:44 - Atualizado há 6 anos

Vem aí a melhor formação de líderes do Brasil

Logo Liderança Exponencial Aprenda as novas competências fundamentais para desenvolver uma liderança exponencial e desenvolva diferenciais competitivos para se tornar um profissional de destaque no mercado.

100% online, aulas ao vivo e gravadas

Próxima turma: De 14 a 17/Dez, das 19hs às 22hs

Inscreva-se agora
Logo Black Friday 2020

Nossos melhores Cursos Executivos ou Programas Internacionais com até 50% off

Quero saber mais

Uma unidade da entidade Anjos do Brasil, a MIA (Mulheres Investidoras Anjo) começou a fazer efetivamente investimento cooperado. A MIA acaba de anunciar e efetivar seu primeiro aporte em um empreendimento no Brasil.

A startup escolhida foi o e-commerce 33e34.com.br, única loja brasileira especializada em sapatos femininos nas numerações 33 e 34. Criada para resolver o problemas das mulheres de pés pequenos (de princesa) que nunca encontravam sapatos no seu tamanho.

Já se matriculou no curso A CHAVE PARA O SUCESSO DAS STARTUPS? Ainda dá temo de garantir a sua vaga. CLIQUE AQUI e faça sua inscrição. 

Este investimento é um divisor de águas no mercado. As mulheres oficialmente começam a investir de forma organizada e estruturada através da MIA Mulheres Investidoras Anjo. Escolheram uma incrível Startup que tem total sinergia com o perfil do grupo, além de ser um ótimo negócio com opções de saída no médio prazo.  A liderança desta rodada ficou com a experiente investidora Camila Farani, ao lado das também super poderosas Maria Rita Spina Bueno e Ana Lucia Pedro Fontes, entre outras.

A 33/34 Shoes começou a operar em janeiro de 2015 e já conta com uma rodada inicial de outros Anjos, todos homens, que ajudaram na estruturação inicial do projeto.

A fundadora Tânia comemora a entrada das mulheres investidoras, não só pelo dinheiro investido, mas por entender que elas tem muito a agregar por entender do mundo feminino: “A chegada da MIA nos enche de orgulho. Além do investimento, que vai nos permitir ampliar nossa capilaridade, temos o apoio de mulheres que já passaram por desafios semelhantes aos nossos, que poderão nos aconselhar de maneira prática.

Já a investidora Anjo, Camila Farani informa que a escolha foi muito minuciosa e que vai trabalhar HandsOn para que a 33/34 Shoes alcance voos muito maiores: “A 33/34 já tem uma tração interessante que vale a condição risco x aporte. A fundadora Tânia demonstrou claramente capacidade de execução, um dos fatores preponderantes para se ter interesse por parte do investidor além do fato de estarmos vivendo um momento  favorável ao e-commerce de nicho. Esperamos que nossa história com a MIA inspire muitas outras mulheres em seus projetos de vida!”

É isso, daqui pra frente vamos ver mais e mais projetos sendo apoiados por mulheres investidoras Anjo.