Liv Up fecha 2016 com bons números e recebe novo aporte de R$ 525 mil

Avatar

Por Lucas Bicudo

1 de fevereiro de 2017 às 15:05 - Atualizado há 4 anos

Logo ReStartSe

Inscreva-se para o maior e mais audacioso evento de inovação, tecnologia e transformação digital já feito na América Latina. 30 dias que vão mudar sua visão de mundo, dos seus negócios e da sua carreira.

Online e totalmente gratuito - 01 a 30 de outubro/2020

Boas notícias para a Liv Up! Depois de fechar o ano de 2016 com uma receita de R$ 2,8 milhões, a startup acaba de anunciar novo aporte financeiro, no valor de R$ 525 mil. Com o investimento, a empresa pretende expandir sua atuação para o Rio de Janeiro e prevê um crescimento de 300% ao mês até o final de 2017.

A atuação da Liv Up vem se tornando cada vez mais expressiva na entrega de alimentação saudável. Em menos de um ano, a empresa cresceu oferecendo uma variedade de opções de produtos, kits e pratos saudáveis, produzindo mais de 600 refeições por dia e efetuando entregas nas cidades de São Paulo, ABC, Barueri e Osasco.

“Mesmo com o cenário econômico desfavorável, 2016 foi muito satisfatório para o nosso negócio. Lançamos a empresa no final do primeiro trimestre e em menos de três meses conseguimos encaixar um crescimento contínuo e expressivo, um bom indicador que nossa ideia está sendo bem aceita e estamos conseguindo mudar o mercado de comidas congeladas”, explica o sócio fundador Victor Santos.

Junto ao novo investimento, a startup anuncia a entrada do fundador do iFood, Patrick Sigrist, e do CEO da Rapiddo, Guilherme Bonifácio.

Investimento é essencial para startups terem sucesso. E é para isso que o StartSe criou o Invest Class: os maiores investidores-anjo do Brasil juntos em um treinamento exclusivo para startups. Experiência única de imersão e treinamento em captação de investimentos.

Em fevereiro, a empresa já começa a operar em Copacabana.

“Estamos muito otimistas para 2017, não somente pela capacidade de investimento e expansão da empresa, mas também pela entrada de investidores estratégicos que estão colaborando com sua experiência para encontrarmos alavancas de valor para a empresa. Acreditamos que 2017 será ainda melhor que 2016, e nosso objetivo é fechar o ano com o faturamento na casa dos R$15 milhões ao ano”, finaliza.

Faça parte do maior conector do ecossistema de startups brasileiro! Não deixe de entrar no grupo de discussão do StartSe no Facebook e de inscrever-se na nossa newsletter para receber o melhor de nosso conteúdo!

[php snippet=5]