Itaú procura “empreendedor visionário” para ampliar iniciativas digitais

Da Redação

Por Da Redação

29 de setembro de 2016 às 14:41 - Atualizado há 5 anos

Logo Novo Curso

Transmissão exclusiva: Dia 08 de Março, às 21h

Descubra os elementos secretos que empresas de sucesso estão usando para se libertar do antigo modelo de Gestão Feudal de Negócios.

Inscreva-se agora
Logo Cyber Monday 2020

Só hoje, nossos melhores Cursos Executivos ou Programas Internacionais com até 50% off

Quero saber mais

Que os grandes bancos estão passando por grandes mudanças por causa do fenômeno das fintechs, você já está cansado de saber. Agora, o Itaú Unibanco – maior banco privado brasileiro – está com um programa para achar um “visionário” que amplie suas iniciativas digitais, as mesmas que estão fazendo os bancários se rebelarem.

A ideia do Programa Fellows, do Itaú Unibanco é encontrar profissionais com nível de cargo Especialista para atuarem em projetos relevantes do Banco, com tecnologia, para realizar a transformação digital do Itaú. O programa durará dois anos e quem for aceito continuará no banco depois disso.

O Itaú quer combater as fintechs ou mesmo trabalhar junto com elas, já que o banco é dono de um espaço interessantíssimo para startups em São Paulo, o Cubo. Para compreender este setor a fundo, o StartSe criou o Fintech Class– o maior evento do assunto no Brasil e que contará com a participação dos maiores nomes do setor, como Nubank, GuiaBolso e Banco Original.

O banco procura profissionais que tenham um forte entendimento do mundo digital e a capacidade de ser visionário sobre aplicações de tecnologias e tendências. Além disso, querem profissionais que tenham espírito altamente empreendedor.

Eles deverão ser aptos a trabalhar em ambientes com equipes multifuncionais em velocidades diferentes e ser um experimentador com compreensão de modelos de negócios de empresas de tecnologia, além de estar sempre imerso na cultura de tecnologia.

Eles precisam de conhecimento em desenvolvimento Agile e DevOps ou habilidades em sistemas móveis, conhecimento em UX (user experience), habilidades com novas tecnologias e ferramentas aplicadas na TI ou capacidades analíticas complexas para criar valor a partir de big data. Enfim, um baita profissional.

O programa contratará especialistas que também participarão de treinamentos específicos em parceria com a McKinsey, acompanhamento de desenvolvimento de carreira e mentoring, com o objetivo de acelerar a carreira dos participantes. Você pode se inscrever através do site do programa.

[php snippet=5]
E não deixe de entrar no grupo de discussão do StartSe no Facebook!