Go-Jek levanta nova rodada de US$ 1,2 bilhão liderada pela Tencent

Avatar

Por Lucas Bicudo

4 de Maio de 2017 às 16:32 - Atualizado há 3 anos

Logo ReStartSe

Inscreva-se para o maior e mais audacioso evento de inovação, tecnologia e transformação digital já feito na América Latina. 30 dias que vão mudar sua visão de mundo, dos seus negócios e da sua carreira.

Online e totalmente gratuito - 01 a 30 de outubro/2020

A Go-Jek acabou de fechar uma nova rodada no valor de US$ 1,2 bilhão, liderada pela Tencent, em um valuation de US$ 3 bilhões.

A startup afirma ter mais de 200 mil motoristas, em cerca de 25 cidades na Indonésia. Começou como uma empresa clássica de aluguel de motos – porque duas rodas são uma maneira eficiente de navegar pelas ruas congestionadas de mega-cidades como Jacarta -, mas desde então tem crescido e se tornado uma verdadeira plataforma de ridehailing, com o serviço GoCar e uma parceria com a empresa de táxi Blue Bird.

Em contraste, a Uber – que já levantou mais de US$ 8 bilhões, em um valuation que supera os US$ 60 bilhões – e a Grab – que levantou US$ 750 milhões, avaliada em US$ 3 bilhões, e agora planeja arrecadar uma incrível rodada de US$ 1,5 bilhão – introduziram serviços de táxi de moto na Indonésia para aumentar a concorrência.

A nova quantia, sobretudo, está sendo destinada para bater de frente com essas duas outras gigantes. Além disso, a Go-Jek planeja desenvolver a Go-Pay, sua própria plataforma de pagamentos, e aumentar o seu leque de serviços.

Investimento em startups e como captar são temas que abordamos no e-book “Invest Class”, que pode ser baixado gratuitamente aqui.

No ano passado, a startup insinuou que expandiria seus negócios para o exterior; estava na mesa parcerias ou investimentos em mercados que existem serviços similares, como Índia ou Sri Lanka, mas parece que o foco da Go-Jek está mesmo na batalha pela Indonésia. Além de ser a maior população do Sudeste Asiático – é o lar de mais de 250 milhões de pessoas – o país é considerado a maior economia de internet da região.

Um relatório co-autoral do Google prevê que o mercado de caronas particulares por lá cresça de US$ 2,5 bilhões em 2015, para US$ 13 bilhões em 2025. A participação da Indonésia nesse segmento deverá passar de um valor estimado de US$ 0,8 bilhão para US$ 5,6 bilhões, no mesmo período.

O novo acordo da Go-Jek também marca o primeiro investimento da Tencent na Indonésia e o último de uma série de negócios iniciados pela empresa, que é mais conhecida por operar a principal plataforma de mensagens da China, a WeChat. A gigante chinesa comprou 5% da Tesla em março, por pouco mais de US$ 2 bilhões, e desde então tem feito negócios com o serviço de streaming chinês Kuaishou e pagamento Airwallex.

(via TechCrunch)

Faça parte do maior conector do ecossistema de startups brasileiro! Não deixe de entrar no grupo de discussão do StartSe no Facebook e de inscrever-se na nossa newsletter para receber o melhor de nosso conteúdo! E se você tem interesse em anunciar aqui no StartSe, baixe nosso mídia kit.

[php snippet=5]