Globo investe e se torna sócia de fintech de investimentos

Junior Borneli

Por Junior Borneli

3 de julho de 2017 às 22:02 - Atualizado há 4 anos

Logo Novo Curso

Transmissão exclusiva: Dia 08 de Março, às 21h

Descubra os elementos secretos que empresas de sucesso estão usando para se libertar do antigo modelo de Gestão Feudal de Negócios.

Inscreva-se agora
Logo Cyber Monday 2020

Só hoje, nossos melhores Cursos Executivos ou Programas Internacionais com até 50% off

Quero saber mais

O Grupo Globo comprou uma participação na fintech Órama, com o objetivo de expandir seus negócios para além da mídia. Fundada em 2011 por ex-sócios da corretora Ágora, vendida ao Bradesco em 2008, a empresa é especializada na assessoria de investimentos em plataformas digitais.

Segundo dados do mercado, a estratégia do Grupo Globo com essa aquisição pode ser a mesma que levou ao sucesso a XP Investimentos, adquirida pelo Itaú recentemente: a produção de conteúdo financeiro atrelado a oferta de produtos de investimentos.

Essa não é a primeira vez que o Grupo Globo se aventura no mercado financeiro. A empresa  já foi dona do Banco Roma, vendido ao Arab Banking Corporation no fim dos anos 1990.

As fintechs têm atraído cada vez mais a atenção dos grandes bancos e de grandes empresas de outros setores. Por conta disso, o StartSe criou o Fintouch, em parceria com a Associação Brasileira de Fintechs, para apresentar ao mercado as principais inovações dessa área.

Para conhecer mais sobre o evento, que é o maior desse segmento já feito no Brasil, acesse o site www.fintouch.com.br.