Streaming de jogos do Google, Uber x Lyft e mais unicórnios

Tainá Freitas

Por Tainá Freitas

23 de março de 2019 às 20:19 - Atualizado há 2 anos

Logo ReStartSe

Inscreva-se para o maior e mais audacioso evento de inovação, tecnologia e transformação digital já feito na América Latina. 30 dias que vão mudar sua visão de mundo, dos seus negócios e da sua carreira.

Online e totalmente gratuito - 01 a 30 de outubro/2020

Além do GTC 2019, muita coisa aconteceu ao redor do mundo. A Uber e a Lyft continuam concorrendo no IPO, mais startups se tornaram unicórnios e uma nova tendência se tornou realidade: o streaming de jogos. Seria o fim dos consoles?

O Netflix dos jogos

O Google anunciou o Stadia: seu Netflix de jogos. A plataforma permite que os usuários joguem em qualquer dispositivo (como celulares e computadores) sem a necessidade de realizar download. O modelo de negócios também será semelhante: para ter acesso aos jogos, é pago um valor de assinatura.

No entanto, o Google pode não ser a única empresa a adentrar esse mercado ainda inexplorado: o Walmart (sim, a rede de supermercados!) também pode estar criando a sua própria plataforma de streaming de jogos.

Mais unicórnios?

Algumas startups viraram unicórnios (ou seja, atingiram o valor de mercado de US$ 1 bilhão), na última semana. Esse é o caso da Glossier, startup de beleza que levantou US$ 100 milhões de investimento. A Doctolib, startup de saúde, também recebeu US$ 170 milhões e virou unicórnio. Confira uma lista das startups que atingiram esse status em 2019.

Uber x Lyft

A primeira oferta inicial de ações das concorrentes Uber e Lyft está se aproximando. A expectativa é que a Lyft realize o IPO ainda em março e levante US$ 2 bilhões. Já a Uber deve realizar sua oferta em seguida, em abril, e já escolheu a bolsa de valores preferida.

O futuro da tecnologia de voz

Seja a Siri, da Apple, o Google Assistente, do Google, a Alexa, da Amazon ou a Cortana da Microsoft, você já deve ter falado com um assistente de voz um dia. Hoje, essa tecnologia tem ganhado cada vez mais força e promete revolucionar a indústria. Confira o nosso especial “A voz na Nova Economia”.