Em alta: celular dobrável, vagas em startups e o futuro da educação

Tainá Freitas

Por Tainá Freitas

22 de fevereiro de 2019 às 16:09 - Atualizado há 2 anos

Logo ReStartSe

Inscreva-se para o maior e mais audacioso evento de inovação, tecnologia e transformação digital já feito na América Latina. 30 dias que vão mudar sua visão de mundo, dos seus negócios e da sua carreira.

Online e totalmente gratuito - 01 a 30 de outubro/2020

Apesar do ranking da Fast Company ter sido um grande highlight da semana, esse não foi o único ponto alto para quem gosta de tecnologia e inovação. Na verdade, devemos esperar grandes novidades por aí… Apenas para começar: os celulares dobráveis.

 O futuro da Samsung: celulares dobráveis e robôs domésticos

Nesta quarta-feira (20), a Samsung anunciou seus mais novos lançamentos. O mais surpreendente de todos foi o Galaxy Fold, seu primeiro celular dobrável. Quando aberto, o smartphone fica do tamanho de um tablet. E as novidades não param por aí: a Apple já registrou uma patente para o mesmo tipo de celular.

Outra novidade anunciada pela empresa são robôs que ajudam a cozinhar, cultivar uma horta e até purificar o ambiente. Os robôs atendem aos comandos de voz dos usuários.

Vagas abertas!

Se você sempre quis trabalhar em uma startup ou empresa de tecnologia, agora pode ser a sua chance! A Stone, fintech que abriu capital na Nasdaq recentemente, está contratando. Ela está procurando profissionais para as áreas de tecnologia, comercial e logística. Os salários podem chegar a R$ 6 mil. Confira as vagas aqui.

Já o iFood abriu mais de 100 vagas de emprego em todo o Brasil. A empresa está admitindo pessoas nas áreas de atendimento, design, finanças, tecnologia, entre outros. E a empresa não deve parar por aí: a expectativa é de abrir mil vagas até o fim deste ano.

Outra companhia que está apostando na expansão no Brasil é a Amazon. Recentemente, a varejista começou a vender mais de 120 mil produtos no país, aumentando sua atuação. Consequentemente, agora ela precisa de reforço – e possui 120 vagas abertas em São Paulo.

O futuro da educação já começou

Nesta quinta-feira (21), a StartSe realizou o primeiro evento do ano: o EdTech Conference 2019. Nós discutimos as principais tendências desse setor – e teve de tudo! Contamos com a presença de uma das 10 melhores professoras do mundo, ouvimos os aprendizados do fundador da AppProva e conhecemos uma escola que usa a realidade virtual para ensinar inglês.

Contamos ainda com a presença do Emilio Munaro, do Instituto Ayrton Senna, que alertou sobre a necessidade de uma educação 5.0. Ela já está começando a ser construída, pouco a pouco – um exemplo são as aulas online pelo Youtube de Kennedy Ramos, da Bio Explica.