Campus São Paulo ultrapassa Tel Aviv, Madri e Seul e agora só falta Londres

Da Redação

Por Da Redação

13 de setembro de 2016 às 19:52 - Atualizado há 4 anos

Logo ReStartSe

Inscreva-se para o maior e mais audacioso evento de inovação, tecnologia e transformação digital já feito na América Latina. 30 dias que vão mudar sua visão de mundo, dos seus negócios e da sua carreira.

Online e totalmente gratuito - 01 a 30 de outubro/2020

Parabéns São Paulo! Em mais uma demonstração de que o ambiente empreendedor da cidade é fantástica, o Campus São Paulo, do Google, se tornou o segundo maior do mundo – atrás apenas do de Londres.

E isso apenas três meses depois do Campus São Paulo abrir as suas portas. Para alcançar o posto, o Campus teve que passar outros grandes Campi do Google ao redor do Google, como os de Tel Aviv, Madri, Seul e Varsóvia. (Ok que São Paulo, sozinha, tem mais gente que Israel e Polônia… mas, ei, vamos comemorar!).

O Campus São Paulo conta com mais de 40 mil membros inscritos, entre empreendedores, investidores e outros simpatizantes, que possuem acesso gratuito ao Campus de segunda à sexta-feira das 9 horas da manhã até às 19 horas da noite.

“Os números demonstram todo o interesse da comunidade em ter acesso a conteúdos relevantes ao seu desenvolvimento como  empreendedores e reforçam o crescente potencial do ecossistema brasileiro de startups”, diz André Barrence, diretor do Campus São Paulo.

O Campus recebe diariamente, em média, 550 pessoas. Eles vão para lá seja para eventos, networking, ou para trabalhar nos espaços de coworking. Dentre os 40 mil membros, mais de 25% são empreendedores em uma startup e outros 40% se declaram interessados na comunidade tech. Além disso, chama atenção o percentual crescente de mulheres que atualmente representa 35%.

[php snippet=5]