Bitcoin não pode ser ignorado, alerta Banco Central Mundial

Junior Borneli

Por Junior Borneli

19 de setembro de 2017 às 10:22 - Atualizado há 4 anos

Logo Novo Curso

Transmissão exclusiva: Dia 08 de Março, às 21h

Descubra os elementos secretos que empresas de sucesso estão usando para se libertar do antigo modelo de Gestão Feudal de Negócios.

Inscreva-se agora
Logo Cyber Monday 2020

Só hoje, nossos melhores Cursos Executivos ou Programas Internacionais com até 50% off

Quero saber mais

O Banco de Compensações Internacionais, conhecido como o Banco Central dos Bancos Centrais, dizem que o sistema financeiro não pode ignorar o crescimento das moedas digitais.

Segundo relatório do Banco, as moedas digitais ganharam relevância: “Em menos de uma década, o bitcoin deixou de ser uma curiosidade obscura e passou a ser um nome familiar. Seu valor subiu de alguns centavos de dólar para mais de US$ 4 mil.”

O tema se tornou tão relevante que o StartSe criou a Bitcoin Conference, maior conferência sobre criptomoedas já feita no país. São esperadas mais de 1 mil pessoas.

Hoje o Bitcoin – e todas as outras criptomoedas – circulam sem regulação de bancos centrais. Um dos pontos de maior discussão é se as autoridades monetárias deveriam lançar suas próprias moedas digitais.

Para saber mais, acesse o site startse.com/bitcoin.