As startups podem trazer a tendência de mercado para as empresas gigantes

Avatar

Por Eduardo Glitz

27 de março de 2017 às 16:55 - Atualizado há 3 anos

Logo ReStartSe

GRATUITO, 100% ONLINE E AO VIVO

Inscreva-se para o Maior Programa de Capacitação GRATUITO para empresários, gestores, empreendedores e profissionais que desejam reduzir os impactos da Crise em 2020

Itaú, XP, qual será a próxima?

Aqui está um belo exemplo do porque as grandes empresas serão cada vez mais sucumbidas pelas startups.

Em 2009 eu e mais 4 sócios da XP fomos para os EUA para entender o mercado americano. Naquela altura a XP era uma startup que tinha dado certo, mas com um modelo de negócio altamente arriscado e muito dependente de um único produto, o mercado de ações.

Saímos dos Estados Unidos convencidos de que havíamos visitado o futuro, era aquele o caminho, e então ficou comigo a missão de construir a plataforma aberta de fundos de investimento. Um ano depois consegui criar uma plataforma de investimentos onde o cliente em poucos cliques conseguia investir nos principais fundos de investimento do mercado.

Ali estava criado o primeiro Shopping Center de investimentos do Brasil, no mesmo modelo do americano, e para qualquer tipo de investidor. Foi muito difícil convencer o mercado, os parceiros e até meus sócios de que o caminho era este. Não levou um mês e nem um ano, foram alguns anos.

Por mais que aquele pequeno time que esteve nos EUA sabia que aquele era o caminho, por vezes um ou outro balançava. Afinal, estamos entrando num jogo com muito menos margem e por isso só com um crescimento gigantesco no volume de recursos captados faria sentido. Mas sabia que aquilo era o certo a ser feito! Muitas vezes eu era um exército de um homem só, nadando contra a maré.

E hoje, 7 anos depois, o Itaú, maior banco do Brasil, se rende e lança algo igual. Isso porque ele é “rápido”, os demais bancos gigantes ainda nem pensaram nisto. Neste período a XP deixou de ser uma startup, e se tornou uma gigante, uma das maiores instituições financeiras do Brasil, e o seu shopping center de investimentos sendo o maior diferencial.

E agora? Qual será a próxima startup que irá revolucionar o mercado e cutucar os gigantes?

Faça parte do maior conector do ecossistema de startups brasileiro! Não deixe de entrar no grupo de discussão do StartSe no Facebook e de inscrever-se na nossa newsletter para receber o melhor de nosso conteúdo!

[php snippet=5]