Inteligência artificial cria três vezes mais empregos do que destrói nos EUA

Pesquisa da ZipRecruiter também constata que as iniciativas de IA com mais sucesso resultam de parcerias entre a tecnologia e humanos

0
shares

A inteligência artificial é uma tecnologia que está transformando o mundo, mas que muitas vezes faz as pessoas temerem por seus empregos. Um estudo da McKinsey apoia essa tese e prevê que 30% dos trabalhadores serão substituídos por algoritmos de IA. No entanto, até agora, esta tendência não se consolida na prática.

Muito pelo contrário: uma pesquisa realizada pela empresa de vagas de emprego ZipRecruiter, conduzida ao longo de 2018 nos EUA, constatou que a inteligência artificial criou três vezes mais empregos do que destruiu. As vagas relacionadas à tecnologia que mais cresceram foram de cientistas de dados sênior, com 340% mais empregos do que em 2017.

As outras posições que tiveram maior aumento no ano passado foram: desenvolvedor de apps mobile (186%), especialista em SEO (180%), desenvolvedor web (179%) e gestor de marketing para mídias sociais (163%). Do outro lado, as vagas que foram substituídas com o desenvolvimento da IA foram: fiscal de trânsito (-35%), digitador/datilógrafo (-33%), supervisor postal (-21%), operadores de switch de televisão (-20%) e operadores de máquinas têxteis (-19%).

Outra tese defendida pelas previsões da McKinsey, de que a IA pode aumentar a polarização econômica, ainda não é real na prática. O estudo da ZipRecruiter constata que empregos da classe média, que requerem ensino médio completo, cresceram mais do que vagas que pedem graduação em cursos universitários. No entanto, empregos de alta especialização relacionados diretamente com IA cresceram 379%, e este valor está aumentando ano a ano.

O estudo afirma que parte dos resultados se devem ao fato de que, hoje, as iniciativas de mais sucesso com inteligência artificial ainda são aquelas que usam a tecnologia em parceria com trabalhadores humanos. Enquanto esta tendência existir, é difícil imaginar que empregos sejam extintos sem que surjam novas posições para trabalhar em conjunto com os algoritmos.

A ZipRecruiter também realizou estudos específicos em diferentes áreas afetadas pela IA, como saúde, agricultura, educação e transporte. Em todas as áreas, os impactos da tecnologia são positivos e criaram mais empregos do que extinguiram. Em relação a drones, por exemplo, há um crescimento acelerado na demanda em áreas como engenharia (1488%), finanças e seguradoras (1216%) e pesquisa e desenvolvimento (657%).

O estudo foi conduzido de modo interdisciplinar, com análise de dados de mais de 50 milhões de vagas de emprego, pesquisas guiadas com 11 mil empregados e desempregados e 500 empregadores, além de uma investigação qualitativa dos impactos da inteligência artificial em diversas áreas dos EUA.

Junte-se a mais de 400.000 Empresários e Profissionais Para Conhecer os Negócios Mais Disruptivos do Mundo!

switch-check
switch-x
Nova Economia
switch-check
switch-x
Empreendedores
switch-check
switch-x
Investimentos
switch-check
switch-x
Startups
switch-check
switch-x
Ecossistema

Comentários