Rony Meisler, fundador da Reserva, lança livro para contar a história da empresa

Ele conta a história de uma das empresas brasileiras de maior sucesso

0
shares

Há pouco mais de dez anos, Rony Meisler teve a ideia de vender bermudas na praia, junto com Fernando Sigal, seu amigo de infância. Nascia assim a Reserva, uma das mais prestigiadas marcas de moda do Brasil.

Hoje, com 65 lojas próprias, 9 franquias e mais de 1400 multimarcas revendedoras, a Reserva produz 2 milhões de peças por ano e tem faturamento próximo de R$ 400 milhões anuais.

Apesar dos números impressionantes, o que mais chama a atenção na história da Reserva é a inovação, a ousadia. O grande lance da companhia é não se entender como uma empresa de roupas liderada por estilistas. Não, as pessoas ali são mais do que isso. “Nós não somos varejistas e nem tampouco criativos ou estilistas. Nós somos empreendedores”, destaca Meisler.

Ou seja: a companhia quer e se entende como uma startup, uma que tem um faturamento gigantesco. “As pessoas associam o termo startup a tecnologia ou internet. Discordo. Startups não são empresas, são pessoas com comichão na barriga e vontade de mudar as coisas”, salienta Rony.

Além de todas as conquistas no mundo dos negócios, a Reserva se destaca também pela consciência social. O projeto 1P5P, criado por Rony Meisler, garante a doação de 5 pratos de comida a cada 1 peça de roupa vendida. Em pouco mais de 1 ano, a empresa já doou quase 10 milhões de pratos de comida para instituições de caridade.

Toda essa bagagem – de negócios e de experiências de vida – serão contados no livro Rebeldes Têm Asas, que está em fase de pré-venda no site rebeldestemasas.usereserva.com.

E como não poderia deixar de ser, Rony inovou outra vez. Quem adquirir o livro nessa fase, terá 100% do dinheiro devolvido e estará contribuindo com a doação de 5 pratos de comida.

Está esperando o quê pra comprar?

Atualize-se em apenas 5 minutos


Receba diariamente nossas análises e sinta-se preparado para tomar as melhores decisões no seu dia a dia gratuitamente.

Comentários