Presidente do Banco Central afirma que Bitcoin é “uma bolha e pirâmide ”

Avatar

Por Elena Costa

13 de dezembro de 2017 às 15:08 - Atualizado há 3 anos

Logo Novo Curso

Transmissão exclusiva: Dia 08 de Março, às 21h

Descubra os elementos secretos que empresas de sucesso estão usando para se libertar do antigo modelo de Gestão Feudal de Negócios.

Inscreva-se agora
Logo Cyber Monday 2020

Só hoje, nossos melhores Cursos Executivos ou Programas Internacionais com até 50% off

Quero saber mais

Ilan Goldfajn, presidente do Banco Central, afirmou que as criptomoedas formam uma bolha e um esquema de pirâmide e alerta para o risco de investir em algo não regulado pelos bancos centrais. Para ele a volatilidade da moeda, como o bitcoin, é “sem lastro e sem regulação”.

“Como estão hoje, com essa subida vertiginosa sem lastro e sem regulação, essas moedas levam a um risco tal que o BC emitiu um alerta. Isso tem que ser levado em consideração por aqueles que compram e transacionam essas moedas”, afirmou em entrevista coletiva que visava fazer um balanço da instituição em 2017 e das ações da Agenda BC+.

Além disso, o presidente do BC destacou uma das funcionalidades da criptomoeda que é de revenda por um valor maior, como algo que os reguladores não deveriam incentivar.

Ele enfatizou a possibilidade do uso das criptomoedas em atividades ilícitas. “Usar esse tipo de moeda não isenta do crime, da pena e da punição”, comentou.

Ressaltou também que irá ter muito instrumento e muito ativo para transação e recomenda que os brasileiros não façam igual aos americanos, que estão hipotecando suas casas para adquirir moedas. “Não hipoteque sua casa para comprar essas moedas. A nossa ideia é ter muito instrumento e muito ativo para transacionar”, completou.

A forma como fazemos negócios está mudando. Mas o que vimos até aqui foi só a ponta do iceberg. Você está preparado para a Nova Economia? Reunimos as mentes mais brilhantes do Brasil para debater os pontos fundamentais que vão impactar seus negócios e sua carreira em 2018: A Revolução da Nova Economia

(Via Estadão)

Participe do maior censo de startups do Brasil! Não deixe de entrar no grupo de discussão do StartSe no Facebook e de inscrever-se na nossa newsletter para receber o melhor de nosso conteúdo!

E caso você tenha interesse em patrocinar eventos da StartSe, envie um e-mail para patrocinio@startse.com.br

[php snippet=5]