Grandes VCs do Vale querem investir no ICO do aplicativo russo Telegram

Avatar

Por Elena Costa

29 de janeiro de 2018 às 09:22 - Atualizado há 3 anos

Logo ReStartSe

Inscreva-se para o maior e mais audacioso evento de inovação, tecnologia e transformação digital já feito na América Latina. 30 dias que vão mudar sua visão de mundo, dos seus negócios e da sua carreira.

Online e totalmente gratuito - 01 a 30 de outubro/2020

Segundo reportado pelo Financial Times, Kleiner Perkins Caufield & Byers, Benchmark, e Sequoia Capital querem investir US$ 20 milhões no aplicativo russo de mensagens Telegram na ICO (Oferta Inicial de Moeda) que será realizada em breve – lançando a sua própria criptomoeda. Esse vai ser o maior ICO da história.

A empresa russa que diz ter 170 milhões de usuários mensais e está procurando levantar US$ 1,2 bilhão por meio de ICO. O FT afirma que os VCs estão interessados em adquirir a moeda como um meio de apoiar a startup e também pela preocupação que o boom da criptomoeda esteja passando por eles.

O retorno de um ICO médio no ano passado foi de 1.000%, mas alguns VCs não compraram a nova classe de ativos pois as regras de seus fundos de investimento de investimento não permitiam isso. Enquanto isso, diversas companhias de tecnologia também estão voltando para ICO como forma de obter capital.

[php snippet=5]

No caso da Telegram, eles planejam usar o dinheiro obtido do ICO para construir a sua própria plataforma baseada no blockchain que poderá segundo a startup, “hospedar uma nova geração de criptomoedas e descentralizar aplicações”. O Telegram é uma das startups mais ideologicamente ligadas à questão de criptografia.

O app de mensagens, apesar da alta adesão, tem se tornado um imã para golpistas que procuram explorar o mundo da criptografia manipulando os preços. Eles também já foram chamados de “lar de criminosos e terroristas” pela primeira-ministro do Reino Unido, Theresa May.

Apesar das alegações, o CEO do Telegram Pavel Durov disse no TechCrunch Disrupt Conference de 2015 que “a privacidade, em última análise, e o direito à privacidade é mais importante do que o medo de coisas ruins acontecerem, como o terrorismo”.

Investimento é super necessário para todas as startups! Caso você queira participar do próximo InvestClass para aprender a como agradar investidores e receber um possível investimento, clique aqui. Agora, se você deseja saber ainda mais sobre como investir em startups e se tornar um investidor-anjo, participe da AngelClass que acontecerá em março.

(Via Business Insider)