SoftBank une forças com aceleradora para procurar startups de IA

Avatar

Por Isabela Borrelli

19 de novembro de 2018 às 10:42 - Atualizado há 2 anos

Logo ReStartSe

Inscreva-se para o maior e mais audacioso evento de inovação, tecnologia e transformação digital já feito na América Latina. 30 dias que vão mudar sua visão de mundo, dos seus negócios e da sua carreira.

Online e totalmente gratuito - 01 a 30 de outubro/2020

Dois programas focados em startups de inteligência artificial de estágio inicial estão juntando forças: a aceleradora Zeroth, de Hong Kong, e a Deepcore, uma incubadora japonesa e também fundo que faz parte do grupo SoftBank, querem usar seus recursos para identificar novas oportunidades de investimento e outras colaborações ao redor de inteligência artificial, revela o Techcrunch.

As duas aparentemente são complementares, enquanto a Deepcore é focada em começar novos empreendimentos e investir em empresas de inteligência artificial no geral, a Zeroth opera primeira programa de aceleração da Ásia focado em inteligência artificial e machine learning. Recentemente, ela levou US$ 3 milhões em uma negociação na qual a Animoca Brands assume 67% de participação acionária.

Já a Deepcore foi lançada pelo SoftBank no começo desse ano para dar à organização uma presença nos projetos de estágio inicial em IA. A empresa opera como um coworking, incubadora e instalação de P&D – Kernel Hongo – em adição a um braço de investimento chamado Deepcore Tokyo.

A Zeroth foi fundada dois anos atrás e já formou 33 empresas em três turmas até agora, levando uma média de 6% de equity de cada. Algumas dessas empresas foram levantar mais investimento com outros players, incluindo a Fano Labs (agora Accosys) que levou capital do fundo de capital de risco Horizons Ventures, e a japonesa Labotik. Ela também realizou oito investimentos em startups de blockchain.

“É muito bom ver o ecossistema da Zeroth crescer”, afirmou o fundador Tak Lo ao Techcrunch em um comunicado. “Hoje em dia, o ecossistema está construindo cada vez mais oportunidades para nossos fundadores construírem ótimas empresas”.