PWC e CBInsights ressaltam 3 pontos do Canada Venture Capital 2017

Avatar

Por Elena Costa

9 de fevereiro de 2018 às 13:21 - Atualizado há 3 anos

Logo ReStartSe

Inscreva-se para o maior e mais audacioso evento de inovação, tecnologia e transformação digital já feito na América Latina. 30 dias que vão mudar sua visão de mundo, dos seus negócios e da sua carreira.

Online e totalmente gratuito - 01 a 30 de outubro/2020

Relatório da PricewaterhouseCoopers e do CBInsights ressalta os pontos fortes da pesquisa do Canadian MoneyTree de 2017 sobre o venture capital no país. Entre os tópicos estão o valor anual de financing, os deals e os top 5 markets de 2017 em relação aos de 2016.

O funding anual do Canadá chegou a US$ 2,7 bilhões no ano passado. Esse capital que está distribuído em 333 deals, e representa um crescimento de 7% perante 2016. Este crescimento também é acompanhado por um declínio de 12% nos deals realizados no país.

Declínio este que vem sendo observado em diversos estágios, ou seja, o decréscimo independe do estágio, mas cresceu o valor dos deals ligados a corporte minority e undisclosed investment de 6% para 9%. Observe o gráfico abaixo para entender a situação:

No gráfico acima destaca-se o fato que o estágio semente caiu de 30% para 28% e o de estágio inicial de 28% para 20%. Apesar de alguns resultados negativos, o Canadá possui 5 tops mercados que perante ao quadro geral do país apresentaram resultados positivos. São eles: Toronto, Montreal, Vancouver, Ottawa e Waterloo.

Como vemos, Montreal teve mais 3 deals perante 2016 e um crescimento de 64% em funding já que US$ 800 milhões foram investidos em 63 negócios ao longo de 2017. Já em dólares e deals, Toronto teve uma queda com 22% menos de funding e Vancouver que apesar de um decréscimo de 10 deals teve um aumento de 4% em funding. Aprofunde-se no assunto de investimentos, principalmente captação, com o nosso Invest Class. Clique no link e saiba mais!