L’Oréal desafia startups em sua primeira maratona de hackers no Brasil, a Beauty Hack

Programa distribui R$ 100 mil em prêmios e mais 4 viagens para o Vale do Silício

Avatar

Por Júnior Borneli

4 de fevereiro de 2016 às 09:37 - Atualizado há 4 anos

Entre os dias 18 e 20 de março, a L’Oréal realizará, em São Paulo, a sua primeira maratona de hackers no Brasil, a BEAUTYHACK. O desafio proposto pela líder mundial em cosméticos é voltado a startups da área de mobile, que deverão desenvolver aplicativos móveis para projetos estratégicos da empresa.

Quatro startups terão seus projetos selecionados e receberão viagens ao Vale do Silício, onde poderão conhecer o Google e o Facebook, além de vivenciar o ambiente de empreendedorismo local. Entre essas quatro, a que for considerada o grande destaque da maratona receberá investimento no valor de R$ 100 mil, para ser utilizado no efetivo desenvolvimento do aplicativo, que futuramente poderá ser lançado no mercado.

Para Paula Costa, CMO (Chief Marketing Officer) da L´Oréal Brasil, o desafio contribui para o empreendedorismo no país, fomentando criatividade e inovação digital junto às startups brasileiras. “Nossa missão é estar cada vez mais próximos do nosso consumidor através de ferramentas digitais efetivas e úteis. Certamente esta primeira iniciativa será um marco importante para o desenvolvendo do nosso negócio no Brasil em 2016”, afirma a diretora.

Para participar, startups interessadas devem realizar sua inscrição no site www.beautyhack.com.br, a partir de 26 de janeiro de 2016. Uma comissão formada por especialistas avaliará os trabalhos durante o evento e o resultado será divulgado no local, dia 20 de março, após a maratona. Paula Costa também recomenda que as startups estimulem a participação de mulheres em seus projetos, seja como participantes ou como consultoras de beleza que conhecem as marcas da multinacional francesa. “O olhar feminino é muito importante para nós por conta da natureza dos produtos da L´Oréal. Acreditamos que isso possa ajudar a todos os participantes”, reforça a diretora.

A maratona de hackers – BEAUTYHACK – ocorrerá nos dias 18, 19 e 20, período que os participantes terão para desenvolver aplicativos que atendam às necessidades de quatro desafios propostos pela empresa. Ao final, serão reveladas as quatro startups melhor qualificadas, bem como a grande vencedora, durante um coquetel de encerramento.

Os desafios

  1. Potencializar o uso do programa Dermaclub no cotidiano do consumidor de produtos de dermocosmética;
  2. Difundir a educação e a informação das marcas L’Oréal Professionnel, Kerástase, Redken, Matrix e Essie para os profissionais de salão de beleza de forma acessível, engajadora e simples, mas completa;
  3. Desenvolver uma experiência de compra assistida de produtos Maybelline em mobile;
  4. Ensinar e incentivar os consumidores ao uso rotineiro dos produtos de luxo do Grupo L’Oréal, explorando ocasiões específicas e especiais.

Os participantes do programa concorrerão a um prêmio de R$ 100 mil e mais 4 viagens para o Vale do Silício, região dos Estados Unidos onde estão sediadas as maiores empresas de tecnologia do mundo.