Garota de 14 anos cria empresa fatura US$ 200 mil (e busca primeiro milhão)

A ideia de criar a empresa surgiu quando tinha 13 anos e não conseguia encontrar equipamentos de lacrosse a preços acessíveis e de qualidade

Avatar

Por Júlia Miozzo

24 de março de 2015 às 12:14 - Atualizado há 5 anos

SÃO PAULO – Diferente dos demais adolescentes de 14 anos, a norte-americana Rachel Zietz, da Flórida, não seguiu o sonho de muitos, mas sim aproveitou a situação para dar vida à sua ideia empreendedora.

Nos Estados Unidos, é comum que nesta idade os adolescentes façam de tudo para entrar no time de algum esporte do colégio. Neste caso, todos os colegas de Rachel tentavam entrar para o de lacrosse, mas não conseguiam encontrar equipamentos a preços acessíveis e de qualidade. Foi quando ela resolveu lançar sua empresa, a Gladiator Lacrosse, com base nisso.

Segundo o Pequenas Empresas, Grandes Negócios, a empresa comercializa diferentes linhas de gols de lacrosse que as pessoas podem utilizar para praticar o esporte em suas casas. E já faturou US$ 200 mil no ano passado, sendo que este ano a expectativa é chegar a US$ 1 milhão. 

Uma curiosidade mostra como o empreendedorismo está difundido nos Estados Unidos: na época, Rachel estava participando do YoungEntrepeneur’s Academy, um programa que ensina como empreender para alunos do ensino fundamental II e ensino médio.

Ao final do programa, ela apresentou uma linha de produtos de lacrosse com preços baixos e bons, o que chamou a atenção dos investidores. Ela recebeu US$ 2,7 mil pela linha e começou sua empresa.