De Volta para o Futuro: empresa cria a jaqueta usada por Marty McFly

Avatar

Por Júlia Miozzo

11 de dezembro de 2015 às 17:25 - Atualizado há 5 anos

Logo ReStartSe

GRATUITO, 100% ONLINE E AO VIVO

Inscreva-se para o Maior Programa de Capacitação GRATUITO para empresários, gestores, empreendedores e profissionais que desejam reduzir os impactos da Crise em 2020

SÃO PAULO – No dia 21 de outubro deste ano, Marty McFly chegava ao futuro – ou, pelo menos, é o que o filme “De Volta para o Futuro parte II” mostrava. O longa, lançado em 1985, retratou uma sociedade futurística em que as pessoas vestem roupas prateadas, andam de skate flutuante e usavam tênis que se amarravam sozinhos.

Algumas das invenções, obviamente, ainda não foram concretizadas, muitas talvez nem sejam – mas uma em especial tem a chance de passar a existir: a jaqueta que seca por conta própria.

A empresa Falyon Wearable Tech está com um projeto de crowdfunding que pretende arrecadar US$ 12 mil para a fabricação da jaqueta, dos quais 9 mil já foram arrecadados. Chamada SDJ-01, a peça funciona com baterias recarregáveis e, como no filme, possui ventiladores em seu interior que secam a jaqueta quando ativados por um botão. Ela é vendida nas cores cinza, preta, branca, azul e, como no filme, vermelha.

A jaqueta tem preço inicial de US$ 159 – em reais, R$ 616,92 segundo a cotação de hoje (11). Confira o vídeo explicativo da peça na página da campanha.