Código do iOS mostra que Apple testa tecnologia 100 mais rápida que Wi-Fi

A tecnologia de transmissão de dados sem fio funciona como um Wi-Fi, mas utilizando pulsões de luz – e por isso ela é ultra rápida

Avatar

Por Júlia Miozzo

19 de janeiro de 2016 às 13:19 - Atualizado há 4 anos

Versões recentes da codificação do iOS apontam referências ao uso de Li-Fi, uma rede sem fio ainda experimental que usa pulsos de luz para transmitir dados e, futuramente, deve substituir o Wi-Fi. Por conta disso, essa tecnologia consegue ser 100 mais rápida do que o que temos atualmente – além de mais segura. 

Segundo o Apple Insider, biblioteca de arquivos do sistema operacional iOS já menciona “LiFiCapability” junto de outras capacidades de software e hardware. Quem percebeu a mudança foi o usuário do Twitter Chase Fromm.

Em 2013, a Apple patenteou um método de “modulação óptica usando sensor de imagem”, sendo que o sensor em questão pode alternar entre a captura de imagens e captura de dados. O método Li-Fi não é tão diferente do funcionamento de um sensor infravermelho usado em controles remotos: os dados são transmitidos rapidamente através da modulação de uma fonte de luz e recebidos com um sensor de luz antes de ser transformado em um sinal eletrônico