Artemisia prorroga inscrições para seu processo de aceleração

Avatar

Por Lucas Bicudo

11 de abril de 2016 às 14:38 - Atualizado há 6 anos

Logo Novo Curso

Transmissão exclusiva: Dia 08 de Março, às 21h

Descubra os elementos secretos que empresas de sucesso estão usando para se libertar do antigo modelo de Gestão Feudal de Negócios.

Inscreva-se agora
Logo Cyber Monday 2020

Só hoje, nossos melhores Cursos Executivos ou Programas Internacionais com até 50% off

Quero saber mais

A Artemisia, primeira organização do Brasil a fazer parte da Omidyar Foundation – uma das mais respeitadas organizações no setor de investimento de impacto -, está em busca de negócios que ofereçam soluções escaláveis para resolver problemas sociais que atinjam a população de baixa renda.

A organização prorrogou as inscrições e está selecionando, até 15 de abrilstartups que irão integrar a próxima edição de aceleração em junho de 2016. O programa intensivo da Aceleradora desafia os empreendedores a testar, na prática, novos modelos de receita e a refinar o impacto social em um ambiente de colaboração.

A missão da organização é inspirar, capacitar e potencializar talentos e empreendedores capazes de criarem uma nova geração de negócios que rompam com os padrões vigentes de até então.

Com cinco meses de duração, o processo tem por objetivo acelerar o crescimento do negócio em um curto período de tempo, além de potencializar o impacto social da solução e preparar e conectar o empreendedor com potenciais investidores. As inscrições podem ser feitas pelo site e entre os critérios de seleção da Aceleradora estão o impacto social, potencial de escala e estágio de maturidade.

Entre as novidades da edição desse ano, a Artemisia anunciou que está ampliando a busca para os setores de Água/Saneamento, Empregabilidade, Saúde, Educação, Serviços Financeiros e Habitação e a extensão da aceleração para cinco meses de duração.

Nos últimos cinco anos, 79 negócios foram acelerados pela Artemisia; desses, 52% receberam investimentos, que no total, somam mais de R$ 43 milhões.