Elon Musk revela detalhes do seu plano para criar uma cidade sustentável em Marte

Segundo o CEO da SpaceX, serão necessárias 1 mil aeronaves e 20 anos para alcançar o objetivo

0
shares

Elon Musk, CEO da startup de exploração espacial SpaceX, divulgou detalhes de seus planos de colonização de Marte. Em respostas a seguidores de sua conta no Twitter, o empreendedor sul-africano revelou que, para criar uma cidade sustentável no Planeta Vermelho, serão necessários cerca de mil voos de aeronaves modelo Starship ao longo de 20 anos.

Musk disse que o custo operacional de levar um foguete da SpaceX até Marte é de cerca de US$ 2 milhões. Além disso, será necessário construir todos os veículos espaciais, já que os planetas ficam alinhados apenas uma vez a cada dois anos, e a viabilidade de uma viagem de ida e volta é muito menor. Cada uma das aeronaves tem a capacidade de levar entre 100 e 150 toneladas de material de construção, alimentos e pessoal ao destino.

Após duas décadas de voos, Elon Musk espera ter desenvolvido uma cidade habitável e sustentável – no sentido de não necessitar de material vindo de outro planeta. O plano foi batizado de Mars Base Alpha.

Esta não é a primeira previsão ambiciosa de Musk para a colonização de Marte. Em agosto, o empreendedor afirmou que o primeiro passo do processo seria soltar uma bomba nuclear no Planeta Vermelho para vaporizar calotas polares e liberar CO2 na atmosfera. Além disso, o CEO da SpaceX divulgou também o preço de uma passagem turística para Marte: US$ 500 mil.

Silicon Valley Conference: Participe do maior evento de tecnologia e inovação para os negócios

 

Atualize-se em apenas 5 minutos


Receba diariamente nossas análises e sinta-se preparado para tomar as melhores decisões no seu dia a dia gratuitamente.

Comentários