5 coisas que empreendedores de sucesso fazem

Para que os negócios tenham um futuro promissor, o comportamento do empreendedor é fator determinante e essencial

Avatar

Por Júlia Miozzo

20 de Maio de 2015 às 16:21 - Atualizado há 5 anos

SÃO PAULO – A história de cada empreendedor é única, mas todas possuem um ponto em comum: elas começam com alguém criando algo e se arriscando em um sonho.

E para que isso dê certo, o comportamento do empreendedor quando o negócio já superou a fase inicial e está em funcionando é essencial – nesse caso, eles têm que ter uma abordagem diferente das demais pessoas. Pensando nisso, o Entrepreneur selecionou as cinco atitudes diferentes que os empreendedores possuem com relação às outras pessoas.

Confira: 

1. Reconhecem as soluções para os problemas
Empreendedores de sucesso estão constantemente descobrindo como superar da melhor maneira os obstáculos e desafios com que se deparam diariamente – não encaram como problemas, mas sim oportunidades. Eles estão constantemente encontrando maneiras para fazer as ideias e soluções funcionarem.

2. Continuam investindo em ideias de negócios viáveis
Eles não procuram conquistar o que é “suficiente”. Normalmente, gastam bem menos do que ganham e investem a renda em melhores maneiras de trabalhar a mesma ideia. Para eles, investir é um jogo que não tem fim.

3. Investem em suas próprias habilidades
Algo com que nunca é possível errar é investir em si mesmo – e empreendedores de sucesso sabem disso.

Verdadeiros empreendedores investem seu tempo semanalmente em fontes que os farão sentir-se melhor. Eles são conhecidos por usar seu tempo livre para ampliar suas habilidades e conhecimento. Também conhecem o valor de aprender constantemente.

4. Possuem ativos que combinam
A maneira mais eficiente de construir riqueza é possuir parte de uma empresa. Os empreendedores mais ricos de hoje em dia são donos de grande porcentagem de seus negócios.

5. Jogam com sua força
Eles sempre se concentram no que fazem melhor e jogam com sua força e terceirizam suas fraquezas. Por exemplo, os maiores empreendedores do mundo contrataram algumas das pessoas mais inteligentes de sua indústria para trabalhar no que não podem, mas têm que fazer.