11 pessoas que comprovam que nunca é tarde demais para empreender

Será que estou na carreira certa? É uma pergunta que gera minimamente uma ansiedade, mesmo aos mais confiantes

Avatar

Por Lucas Bicudo

4 de dezembro de 2017 às 14:08 - Atualizado há 2 anos

empreender

Será que estou na carreira certa? É uma pergunta que gera minimamente uma ansiedade, mesmo aos mais confiantes. A questão é: algumas das pessoas mais bem-sucedidas do mundo provam que você não precisa ter tudo planejado desde cedo. Confira 11 casos que comprovam que nunca é tarde demais para mudar o rumo de sua vida:

Jeff Bezos possuía uma carreira em ciência da computação e lucrou muito em Wall Street. Assumiu posições de liderança no setor e, só aos 31, decidiu entrar no mundo de varejo com a Amazon.

John Glenn ficou conhecido por se tornar o primeiro astronauta americano a orbitar a Terra, em 1962. 12 anos depois, aos 53 anos, ele se tornou senador de Ohio, um papel que desempenhou por 24 anos. Ele retornou ao espaço em 1998, no entanto, em uma missão de nove dias a bordo do ônibus espacial Discovery.

Terry Crews recebeu inúmeros elogios por seu trabalho em “Everybody Hates Chris” e “Brooklyn Nine-Nine”, mas ninguém sabe de suas quatro temporadas como jogador defensivo da NFL em meados dos anos 90.

Michael Bloomberg deixou seu cargo de CEO da Bloomberg aos 59 anos para se tornar prefeito da cidade de Nova York, cargo ocupado por 12 anos.

Dwayne “The Rock” Johnson foi por um tempo um linebacker para o Calgary Stampeders da Canadian Football League. Ele abandonou a carreira de futebol e se juntou à World Wrestling Federation (WWF) em 1996, aos 24 anos, que o catapultou para o estrelato e lhe permitiu trabalhar com TV e cinema.

Muito antes de Ronald Reagan se tornar o 40º presidente dos Estados Unidos, aos 69 anos, ele era um jovem ator de Hollywood.

Arnold Schwarzenegger, aos 20 anos, era campeão mundial de fisiculturismo; aos 30, se tornou um dos atores mais famosos de Hollywood. Em 2003, aos 56 anos, tornou-se o governador da Califórnia.

Harland Sanders, mais conhecido como Coronel Sanders, tinha 62 anos quando franqueou o Kentucky Fried Chicken (KFC) em 1952. Antes do sucesso de sua rede de fast-food, Sanders realizou vários trabalhos, incluindo advogado, frentista e trabalhador ferroviário.

Antes de lançar o Buzzfeed e o The Huffington Post aos 30 anos, Jonah Peretti ensinava alunos do ensino médio a usar o Microsoft Office.

Ray Kroc passou a vida inteira vendendo máquinas de milk-shake. Aos 52 anos, em 1954, comprou participação no McDonald e o transformou na maior franquia de fast-food do mundo.

Donald Fisher tinha 40 anos e não tinha experiência no varejo quando ele e sua esposa, Doris, abriram a primeira loja da Gap em São Francisco em 1969.

(via Business Insider)

Participe do maior censo de startups do Brasil! Não deixe de entrar no grupo de discussão do StartSe no Facebook e de inscrever-se na nossa newsletter para receber o melhor de nosso conteúdo!

E caso você tenha interesse em anunciar aqui no StartSe, baixe nosso mídia kit.

[php snippet=5]