USP e FGV se unem para fazer curso para empreendedor

No curso, os alunos trabalham em equipes mistas para desenvolver ideias de empresas de tecnologia

Avatar

Por Juliana Américo

22 de Maio de 2015 às 15:44 - Atualizado há 5 anos

SÃO PAULO – A Escola Politécnica da USP e a EAESP-FGV (Escola de Administração de Empresas da Fundação Getúlio Vargas) assinam na última quinta-feira (21), um convênio de cooperação para oferecer uma disciplina de empreendedorismo.

O objetivo é capacitar alunos de graduação para a criação de novos negócios de base tecnológica, sendo que a disciplina “Criação de Negócios Tecnológicos” é optativa.

Quer saber como é a realidade no Vale do Silício? Assista a nossa transmissão ao vivo de lá: www.startse.com.br/diretodovale. É gratuito.

No curso, os alunos da Poli e da FGV trabalham em equipes mistas, formadas por alunos das duas instituições, para desenvolver soluções e modelos de negócios de empresas de tecnologia. As aulas ocorrem semanalmente, de forma alternada em cada faculdade, com a participação de professores de ambas instituições.

Os negócios em desenvolvimento pelos alunos envolvem, por exemplo, a solução de otimização para irrigação, a solução para monitoramento remoto de saúde de pacientes e um modelo de negócios para viabilizar a comercialização da patente de novo material desenvolvido pela USP.

Por enquanto, a disciplina está sendo oferecida em caráter piloto com cerca de 30 alunos e ainda não existe previsão para abrir para o público em geral.