Máquina mapeia genoma por US$ 100; já custou US$ 2,7 bilhões antes

Da Redação

Por Da Redação

12 de janeiro de 2017 às 14:25 - Atualizado há 4 anos

Logo ReStartSe

Inscreva-se para o maior e mais audacioso evento de inovação, tecnologia e transformação digital já feito na América Latina. 30 dias que vão mudar sua visão de mundo, dos seus negócios e da sua carreira.

Online e totalmente gratuito - 01 a 30 de outubro/2020

Atire a primeira pedra quem nunca teve interesse em mapear o seu genoma. O problema é que isso era extremamente caro e complicado.

ATÉ AGORA.

Foram 15 anos e US$ 2,7 bilhões de dólares para mapear UM genoma humano, através do HGP (Human Genome Project). Alguns anos depois, a californiana Illumina soltou uma máquina capaz de mapear o genoma por US$ 300.000. Ainda caro, mas certamente acessível para quem tivesse muito dinheiro e fosse muito excêntrico.

O preço vem caindo, mas agora eles estão prestes a se tornar, pela primeira vez, populares. A mesma Illumina está lançando uma máquina, NovaSeq 5000, que eles dizem ser capaz de mapear um genoma por menos de US$ 100 e em menos de 60 minutos. Fantástico, sensacional!

Essa mudança terá efeitos drásticos para a saúde humana. Mapear o genoma é excelente para pesquisas clínicas, com estudos sobre câncer e outras doenças genéticas. Quanto mais dados, melhor.

Mas mesmo fora do mundo da pesquisa, teremos melhorias significativas por conta disso. Startups como a 23andMe e AncestryDNA usam máquinas como essa para analisar genoma de pessoas e descobrir sua ancestralidade, dando um pouco mais de insight sobre a família de cada um.

E outra coisa interessante é que o desenvolvimento de dados sobre o genoma de cada um pode fazer com que a indústria da saúde seja mais adaptada à cada um. Os médicos vão saber muito mais detalhes sobre cada um e a qualidade da medicina avançará décadas em pouquíssimo tempo por conta disso!

Há um enorme campo de desenvolvimento para startups neste segmento. O StartSe quer ajudar através do curso Startup de A à Z, que ajuda empreendedores a construírem negócios campeões.

Não deixe de entrar no grupo de discussão do StartSe no Facebook e de inscrever-se na nossa newsletter para receber o melhor de nosso conteúdo!

[php snippet=5]