Discretamente, Apple compra startup francesa que sabe selecionar fotos

Apple não comentou o assunto e afirma que não discute seus propósitos ou planos, mas que sempre compra startups de tecnologia

0
shares

No começo do ano a Apple comprou a startup francesa Regaind, mas a ação só foi revelada agora. O valor da aquisição não foi revelado.

A pequena startup francesa desenvolve uma visão computacional para analisar conteúdo de fotos e é inovadora por mexer com a estética e valores técnicos das fotografias, ou seja, ela é capaz de selecionar dentre as fotos as melhores e coloca elas como principal, além de ocultar as duplicadas de forma automática.

A Apple apenas comentou que “compra pequenas empresas de tecnologia de tempos em tempos e que geralmente não discute seus propósitos ou planos”. Mesmo com uma tecnologia similar ao da Regaind ela optou por não comentar o que será feita com a nova aquisição e deixa suspense no mercado.

Não se sabe de a empresa teve tempo de anexar a tecnologia aos seus novos sistemas, mas existe a possibilidade que ela tenha usado parte do conhecimento da Regaind para aplicar no Face ID, lançado este ano no iPhone X.

A Apple não comentou mais nada sobre o assunto.

Para se manter competitivo no mercado a Apple comprou uma startup. Aprenda como sua empresa pode inovar a partir delas com o Corporate Class. Clique no link e saiba mais.

(Via Tech Crunch)

Participe do maior censo de startups do Brasil! Não deixe de entrar no grupo de discussão do StartSe no Facebook e de inscrever-se na nossa newsletter para receber o melhor de nosso conteúdo!

E caso você tenha interesse em anunciar aqui no StartSe, baixe nosso mídia kit.

Atualize-se em apenas 5 minutos


Receba diariamente nossas análises e sinta-se preparado para tomar as melhores decisões no seu dia a dia gratuitamente.

Comentários