Reconhecimento facial na China detecta doenças genéticas em recém-nascidos

João Ortega

Por João Ortega

13 de novembro de 2019 às 12:06 - Atualizado há 1 ano

Logo Black Friday 2020

Nossos melhores Cursos Executivos ou Programas Internacionais com até 50% off

Quero saber mais

Vem aí a melhor formação de líderes do Brasil

Logo Liderança Exponencial Aprenda as novas competências fundamentais para desenvolver uma liderança exponencial e desenvolva diferenciais competitivos para se tornar um profissional de destaque no mercado.

100% online, aulas ao vivo e gravadas

Próxima turma: De 14 a 17/Dez, das 19hs às 22hs

Inscreva-se agora

Pesquisadores de centros médicos pediátricos em Xangai, na China, desenvolveram um software de reconhecimento facial capaz de identificar sinais que indicam doenças genéticas em recém-nascidos. De acordo com reportagem local, o programa de inteligência artificial é o primeiro do tipo no mundo e foi criado para detectar mais de 100 disfunções do DNA.

Assine a newsletter Conexão China e receba conteúdo exclusivo semanal sobre a maior potência inovadora do Oriente!

O software, nesta etapa, será testado como um complemento a outras formas de diagnóstico em recém-nascidos. Assim, a tecnologia de reconhecimento facial torna-se uma aliada dos pediatras, e não uma substituta.

Bebês com doenças genéticas como síndrome de Down ou Cornelia de Lange podem apresentar sinais faciais característicos desde o nascimento. De acordo com a reportagem, crianças com síndrome de Down podem ter pequenas manchas brancas na parte colorida dos olhos, faces mais planas e olhos “em forma de amêndoas”.

A ferramenta desenvolvida pelos pesquisadores em Xangai analisa uma base de registros médicos para encontrar padrões faciais em bebês com doenças genéticas. Com a técnica de deep learning, o algoritmo torna-se mais assertivo quanto maior a quantidade de dados analisados.

Na China, aplicações de inteligência artificial na área da saúde são cada vez mais comuns. A tecnologia foi utilizada para prever epidemias de gripe no país e no diagnóstico prematuro em casos de câncer. Além disso, há clínicas inteligentes que identificam, a partir de uma breve descrição de sintomas, a presença de milhares de doenças em poucos minutos.

Venha conhecer outras tecnologias que estão impactando os negócios e as pessoas na Silicon Valley Conference