Por que todo mundo tem medo da China? Entenda e aproveite a oportunidade…

Victor Hugo Bin

Por Victor Hugo Bin

8 de agosto de 2018 às 17:47 - Atualizado há 2 anos

Logo Black Friday 2020

Nossos melhores Cursos Executivos ou Programas Internacionais com até 50% off

Quero saber mais

Vem aí a melhor formação de líderes do Brasil

Logo Liderança Exponencial Aprenda as novas competências fundamentais para desenvolver uma liderança exponencial e desenvolva diferenciais competitivos para se tornar um profissional de destaque no mercado.

100% online, aulas ao vivo e gravadas

Próxima turma: De 14 a 17/Dez, das 19hs às 22hs

Inscreva-se agora

A China já provou que consegue entrar em qualquer mercado do planeta.

E de liderá-lo em poucos anos…

Isso está amedrontando outros países, principalmente os Estados Unidos.

Entenda só o porquê:

  1. Está prestes a superar o Vale do Silício em número de Unicórnios…
  2. Tem o Unicórnio mais valioso do planeta (US$ 150 bi), a Ant Financial…
  3. É a Nação que mais investe em Inteligência Artificial…
  4. É a mais avançada em Tecnologia do Varejo e Fintechs…

Os chineses estão tão confiantes no domínio do seu mercado…

Que estão expandindo suas gigantescas empresas para outras nações do mundo.

  • O Alibaba está expandindo para a Europa…
  • A JD.com, pela Ásia…

E sem muito esforço… o AliExpress já é o terceiro e-commerce onde os brasileiros mais compram…

ecommerce-brasil

Fonte: ecommerce brasil

A Ant Financial (aquela que vale US$ 150 bi) disse durante a Fintech Conference que pretende expandir seu mercado para a América Latina…

Especialmente no Brasil.

Os mercados que estão tentando competir diretamente com os chineses estão ficando em desvantagem

Um exemplo é a Amazon x JD.com:

Apesar da JD.com estar atrás do Google e da própria Amazon em faturamento…

Ela vem crescendo 40 por cento ao ano e no final do ano passado já valia US$ 55,7 bilhões de dólares.

Está escalando e aplicando tecnologias em suas lojas que a Amazon está apenas testando ainda…

Sabe entrega com Drones?

A Amazon fez a primeira em 2016.

Amazon-G1

Fonte:G1

Mesmo ano em que a JD já entregava via drone por TODA A CHINA.

Os drones da empresa possuem mais de 300 mil horas de voos e entregas.

E está sendo tão eficaz que outras empresas compram os drones dela.

Mil unidades foram encomendadas só no começo deste ano.

Agora eles estão criando veículos aéreos que possam transportar até 5 toneladas de carga e pô-lo em circulação em até 3 anos.

Resta esperar pra saber se na China você conseguirá comprar um carro e ele ser entregue na sua casa via “drone”, ou se esse veículo será restrito apenas a algumas funções de logística…

E a Amazon Go?

Ela inovou ao utilizar Big Data e Inteligência Artificial para os clientes entrarem na loja e levarem o que quiserem passar em caixas.

A cobrança é feita posteriormente pela própria conta da Amazon.

A JD e a Alibaba não só possuem as mesmas tecnologias, mas também as estão aplicando em lojas físicas e fornecendo para pequenos e médios varejistas dentro e fora da China.

Algo que no Ocidente é restrito à Amazon por enquanto… na China pode estar à disposição de quem quiser.

Percebe o potencial chinês em relação aos outros países do mundo?

As empresas que estão percebendo isso estão adotando a política do “se não pode vencê-los, junte-se a eles”.

A Starbucks já foi pra lá e o resultado tem sido muito lucrativo para a empresa.

Folha-de-SP

Fonte:Folha de SP

Ela já domina 55% do mercado de café chinês.

Possui mais de 3 mil lojas na China e abre franquias ali a uma velocidade de mais de 1 loja por dia.

Se a China conseguiu fazer uma empresa de café dominar um mercado em que a bebida mais consumida sempre foi chá…

Quem entender o mercado chinês…

Dependendo do serviço oferecido, terá à disposição mais de 1 bilhão de clientes que nunca usaram seu produto e conhecerão sua empresa.

Quem resiste a isso, e concorre com a China, está se dando muito mal.

  • Amazon está perdendo a briga no mercado do varejo;
  • Google está perdendo a briga como buscador e serviços de internet;
  • Facebook está perdendo a briga pela liderança nas redes sociais.

E todas, com isso, perdem muito dinheiro e oportunidades de negócio.

Você quer descobrir:

  • Como o mercado chinês funciona?
  • As estratégias para entrar nele?
  • E como aprender com as empresas chinesas a tornar o seu negócio mais escalável e lucrativo…
  • Independente da concorrência?

A StartSe está promovendo o China Day Conference 2018.

chinaday

Enquanto que nos EUA o mercado é mais competitivo e menos volumoso

Na China, a concorrência é baixa e a população consumidora é enorme.

Por isso uma empresa pode começar seu negócio lá dentro com milhões de clientes em potencial.

Assim como a Starbucks

Aproveite essa chance de ficar frente a frente com as maiores empresas e executivos chineses, entender este mercado para parcerias de negócios e trazer insights para a sua empresa aplicar no Brasil.

CLIQUE AQUI E CONHEÇA TUDO SOBRE O EVENTO