Apex incentiva expansão internacional de 21 startups brasileiras em Portugal

A Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos levará startups para participarem do Web Summit – e se conectarem com investidores estrangeiros

0
shares

A Apex, Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos, levará 21 startups brasileiras a uma missão de internacionalização em Portugal. Entre os dias 4 e 8 de novembro, elas irão participar e expor suas soluções no Web Summit, um dos maiores eventos de tecnologia do mundo, e realizar encontros com empreendedores, possíveis parceiros e investidores.

O objetivo é que as startups brasileiras validem seus negócios em outros países – todas as escolhidas possuem soluções tecnológicas, escaláveis e potencial de internacionalização para Portugal. O país conta com mais de 120 incubadoras, aceleradoras e co-workings em seu ecossistema empreendedor. A capital Lisboa foi considerada um dos cinco maiores epicentros para startups na Europa, de acordo com o Euromonitor Startup Monitor 2018.

As startups escolhidas para a missão internacional são: 7 Waves do Brasil, TotalCross, Juridoc, Predify, Só Arquivos, SlicingDice, Safeticket, Liuv, Atos6, Cori Saude, Espaço Autoridade Fitness, Fotop, mapiFace, Sentimonitor, Biosolvit, Shawee, Engage, Fastdezine, Kiskadi, Rocket.Chat e CoBlue. No primeiro dia, elas irão participar de um seminário sobre como fazer negócios em Portugal, com mais de 150 empresários e executivos brasileiros. Depois, comparecem a abertura do Web Summit.

Ao longo de 5, 6 e 7 de novembro, as startups terão oportunidade de expor suas soluções em um espaço específico aos seus setores de atuação no Web Summit. A ideia é que elas conheçam o público estrangeiro, que concentrará pessoas de todo o mundo – no ano passado, o Web Summit reuniu mais de 160 nacionalidades.

“A participação na Missão é muito importante porque o Web Summit vai muito além de Portugal. É um epicentro de inovação que atrai gente do mundo inteiro para conhecer serviços, estabelecer conexões e fechar negócios”, conta Paula Gomes, coordenadora de internacionalização da Apex-Brasil, no anúncio.

Quando não estiverem expondo no Web Summit, as startups poderão participar de treinamentos com foco em internacionalização oferecidos pela Samsung Next, circular pelo evento e realizar networking com o público.

Na quarta-feira, dia 6, a Apex-Brasil realiza uma ação de relacionamento com a Business France dentro do próprio Web Summit. A iniciativa reunirá investidores e startup francesas, portuguesas e brasileiras.

O último dia de programação ainda conta com uma visitação ao co-working LACS, na cidade de Cascais, em que 10 das companhias farão um pitch para investidores estrangeiros como Bynd Venture Capital, Core Angels Atlantic, Portugal Ventures, Novabase e Samsung Next.

Atualize-se em apenas 5 minutos


Receba diariamente nossas análises e sinta-se preparado para tomar as melhores decisões no seu dia a dia gratuitamente.

Comentários