São José dos Campos ganha novo centro de inovação e desenvolvimento tecnológico

A Prefeitura investiu no local cerca de R$ 400 mil na reforma do prédio e em instalações de novo mobiliário e sistema de tecnologia; edital de seleção de startups ainda está aberto

0
shares

A cidade de São José dos Campos acaba de ganhar mais um espaço de fomento ao ecossistema de startups da região. A antiga Casa do Café, localizada no interior do Parque da Cidade, passa a sediar o programa “Startup São José”, desenvolvido pela Prefeitura de São José dos Campos. 

O objetivo é permitir que empreendedores tenham acesso ao desenvolvimento de seus projetos por meio de mentorias, redes de networking e parcerias estratégicas. A previsão é que de 6 a 10 startups, escolhidas com base no edital divulgado, ocupem este novo centro de inovação e desenvolvimento tecnológico. O edital para interessados ainda está aberto tanto para empresas como para parceiros que participarão das atividades de aceleração.

A Prefeitura investiu no local cerca de R$ 400 mil, entre reforma do prédio e instalações de novo mobiliário e sistema de tecnologia. Para Luís Paulo Loreti, Diretor de Programas Estratégicos da Cidade de São José dos Campos, a ideia é estimular ainda mais o ecossistema local. “Toda empresa nascente precisa de um empurrão inicial e o projeto foi criado com este propósito, para apoiarmos startups em momentos decisivos. Inicialmente são 120 postos fixos”, explicou.

Uma das empresas já escolhidas para fazer parte do novo espaço é a FlipFlop Lab, uma startup fundada por engenheiros com alto nível de conhecimento tecnológico. Emanuel Perpetuo era da indústria bélica e desenvolvia mísseis. Ele lembra que sempre gostou de desafios, foi daí que surgiu a ideia da criação de jogos digitais de realidade virtual.

O projeto estava no papel até ir à um evento da Startse que o impulsionou a alavancar o negócio com uma palestra inspiracional do Marco Poli, investidor-anjo e mentor com grande reputação no mercado de startups. 

“Esse novo momento é ótimo pra gente pois esta rede de startups reunidas num mesmo espaço dá mais força aumentando as oportunidades de negócio, além de gerar mais visibilidade,” afirmou. 

Outra novidade é que no futuro a prefeitura também irá proporcionar hospedagem à alguns empreendedores escolhidos no projeto. Neste momento estão sendo construídos apartamentos próximos ao parque da Cidade para oferecer estadia aos futuros startupeiros. 

Retenção de talentos

Para o prefeito, Felicio Ramuth, o novo espaço permitirá a retenção de talentos na cidade. “Existem grandes universidades de ponta na cidade, como o ITA por exemplo, e a ideia é que estes talentos consigam construir seus próprios negócios e gerem oportunidades locais e novos empregos”, explicou.  

Ramuth mencionou alguns cases de sucesso da cidade como a  Quero Educação e Guichê Virtual. A Quero foi idealizada ainda dentro da universidade por dois estudantes de engenharia do ITA, Bernardo de Pádua e Lucas Gomes. A edtech hoje é líder em tecnologia de marketing educacional e desenvolve soluções para conectar alunos e instituições de ensino de todo país. A empresa já matriculou mais de 450 mil estudantes e conta hoje com mais de 1.300 instituições de ensino parceiras.

Durante o evento, várias empresas de fora também estiveram presentes, uma delas foi o Hospital Albert Einstein. Camila Hernandes, Consultora de Projetos de Inovação, falou que o hospital é um dos parceiros deste novo projeto. “ O time de inovação do hospital fará encontros periódicos com as startups instaladas aqui. Vamos avaliar possibilidades de sinergia entre startups e o hospital. Estamos animados!”, disse.

Fica claro que o ecossistema não é formado apenas pelas startups, mas também por profissionais da economia criativa, investidores, universidades e o poder público. O programa Startup São José é mais uma estrutura que se forma que terá atuação conjunta com instituições que já são expoentes nacionais e mundiais como o DCTA, o parque tecnológico da Univap, o Parque Tecnológico de São José dos Campos (vinculado à Prefeitura), ITA, Fatec, Unifesp e da Unesp, além das empresas que investem em pesquisa e desenvolvimento.

 

Atualize-se em apenas 5 minutos


Receba diariamente nossas análises e sinta-se preparado para tomar as melhores decisões no seu dia a dia gratuitamente.

Comentários