Sou Aluno
Formações
Imersões
Eventos
Tools
Artigos
Sobre Nós
Para Empresas

Fim dos freelancers? Entenda como a IA pode impactar esse mercado

No mundo dinâmico da tecnologia, a inteligência artificial (IA) emerge como uma força transformadora, impactando diversos setores, incluindo o mercado de trabalho freelancer. Entenda.

Fim dos freelancers? Entenda como a IA pode impactar esse mercado

Foto: Pexels

, Founder da StartSe

3 min

17 jun 2024

Atualizado: 17 jun 2024

newsletter

Start Seu dia:
A Newsletter do AGORA!

A inteligência artificial tem um poder enorme de potencializar nossas habilidades técnicas. Ela pode nos deixar mais produtivos, fazendo muito mais coisas em muito menos tempo. E isso é bom.

Contudo, se antes um designer levava 2 horas para criar um peça publicitária, por exemplo, agora essa atividade pode ser feita em bem menos tempo. Assim como um jornalista, que produz mais artigos em menos tempo.

Esse aumento de produtividade fez com que a necessidade de terceirizar projetos ficasse menor. E isso afeta diretamente o mercado de profissionais freelancers, que trabalham de forma independente.

Uma pesquisa publicada pela Harvard Business School disse que a demanda por redação de textos e programação de software terceirizados caiu 21% desde a criação do ChatGPT, em novembro de 2022.

No caso de serviços prestados por freelancers para geração de imagens, a queda na demanda foi de 17%. Os principais algoritmos de IA disponíveis no mercado são focados justamente nessa atividade.

Essa informação mostra que existe uma mudança em curso. Quem trabalha numa empresa pode estar sendo mais produtivo em diversas áreas usando os algoritmos de IA, mas também existe outra visão sobre isso.

Muitos freelancers podem também estar usando os algoritmos de IA para multiplicar sua capacidade de atender clientes. Ou seja, quem usa IA pode estar tirando serviço de quem não usa a ferramenta.

Fato é que a inteligência artificial terá sempre essa dualidade: risco ou oportunidade. Otimismo ou pessimismo. Como já disse, lutar contra a inovação não é uma boa ideia.

Seja otimista e capture as oportunidades.

Gostou deste conteúdo? Deixa que a gente te avisa quando surgirem assuntos relacionados!


Assuntos relacionados

Imagem de perfil do redator

Fundador do StartSe, empresa de educação continuada com sede no Brasil e operações no Vale do Silício e na China. Empreendedor há mais de 10 anos, apaixonado por vendas e criação de produtos. Trabalha todos os dias para "provocar novos começos" através do compartilhamento de conhecimento.

Leia o próximo artigo

newsletter

Start Seu dia:
A Newsletter do AGORA!