Sobre Nós
Para Você

NOVO

Para Empresas
Conteúdos
Eventos
Game Changers
Tools
NOVO

Para Você

Avance na carreira e renove seus conhecimentos na mesma velocidade que o mundo muda: na do AGORA

Ver todos

Cursos

Certificações internacionais inovadoras que trazem o que há de mais atual em gestão para um mundo em transformação

Imersões

Imersões executivas presenciais nos mais avançados polos de inovação e empreendedorismo do mundo

Tools

NOVO

As ferramentas de inteligência artificial desenhadas para o seu negócio

Conteúdos

Conteúdo diário sobre inovação, empreendedorismo e os temas mais relevantes do AGORA para que você não perca nada


Como vender mais no Mercado Livre?

Depois de focar na experiência do cliente, agora chegou a hora de olhar para a outra ponta de um marketplace: o vendedor. Entenda como os dados ajudam a vender mais no Mercado Livre.

Como vender mais no Mercado Livre?

aposta-na-logistica-mercado-livre-compra-kangu (Foto: Mercado Livre/Divulgação)

, Head de Conteúdo na Captable

8 min

28 mar 2022

Atualizado: 11 jan 2023

Por Victor Marques, da CapTable Brasil.

A pandemia foi um catalisador das evoluções na experiência do cliente em e-commerces como Mercado Livre, Americanas e Magalu. O Mercado Livre, sozinho, movimentou R$ 20 bilhões em 2020, com cerca de 10 milhões de vendedores ativos. Mas um outro lado acabou ficando para trás no e-commerce como um todo: a experiência do vendedor.

Com poucas ferramentas de análise e pouca visibilidade dos preços praticados por cada segmento de produto, o vendedor fica com dificuldade de entender o comportamento dos seus clientes. Boa parte dos varejistas quebram por não saber qual produto vender, quanto cobrar e entender as razões pela qual um produto fica parado em seu estoque.

Percebendo a dificuldade da visualização de métricas dos segmentos dentro de um e-commerce e de dados específicos a cada vendedor, o Mercado Radar começou em 2019 a preencher essa lacuna de mercado.

O MERCADO RADAR

Com dados coletados do maior marketplace da América Latina, o Mercado Radar faz o monitoramento de produtos no Mercado Livre e identifica quando há uma venda. Desde 2020, com a plataforma self-service, o vendedor pode navegar nos dados, logar com uma conta do Mercado Livre e testar a ferramenta por 7 dias.

A partir da assinatura, ou do período de testes, a plataforma identifica todos os dados da conta do vendedor, como produtos, visitas, preços e outros. Depois, analisa os dados do vendedor, para, então, demonstrar produtos com melhor taxa de conversão, produtos com baixa conversão, tickets maiores e menores, entre outras métricas. 

Enquanto os marketplaces estão focados em ter um bom site e uma excelente logística, a solução do Mercado Radar possui foco maior em extrair dados para guiar otimizações e gerar mais vendas.

Além dos dados brutos, há também uma visão mais analítica embarcada, demonstrando informações processadas de outros vendedores – proporcionando uma visão mais ampla de um segmento. Com mais de 40 milhões de produtos monitorados, o algoritmo é capaz de estimar quantas vendas houveram de cada produto. 

Depois, passa a recomendar outras melhorias, através de Machine Learning, como fotos, títulos e descrição dos anúncios – unindo dados de mercado, do cliente e automação. Já tendo movimentado mais de R$ 600 milhões em vendas dos clientes, o Mercado Radar oferece 3 categorias de planos mensais, com planos diferentes para cada porte de vendedor.

Ainda há uma opção premium, com acompanhamento assessorado por um Especialista em E-commerce, que oferece indicações personalizadas. Além disso, o Mercado Radar é um consultor parceiro, certificado pelo próprio Mercado Livre para impulsionar seus vendedores.

plataforma-do-mercado-radar-impulsiona-vendas-no-mercado-livre. (Foto: Mercado Radar/Divulgação).

PRÓXIMOS PASSOS

Restrito ao Mercado Livre, o Mercado Radar já vislumbra a aplicação das tecnologias e aprendizados para outros marketplaces brasileiros. Porém a aproximação com o Mercado Livre também traz bastante valor para o negócio.

Com a plataforma em operação, de 2020 para 2021 a receita da startup cresceu 427% – junto ao aumento do ticket médio, devido a diferentes estratégias testadas pela Mercado Radar que vêm ganhando tração significativa. Já a relação de LTV, valor que um usuário traz para o negócio, dividido pelo CAC, custo de aquisição de cliente, está em 6x – demonstrando a escalabilidade do negócio.

dashboard-completo-do-mercado-radar-permite-acompanhar-vendas-e-faz-sugestoes-de-otimizacao. (Foto: Mercado Radar/Divulgação).

POR QUE IMPORTA? 

A tecnologia do Mercado Radar já representa, hoje, uma solução que preenche um gap de mercado significativo nos marketplaces. Trabalhando exclusivamente com o Mercado Livre, o Mercado Radar ainda tem muito espaço para conquistar – com possibilidade de expandir para outros e-commerces e países.

Com o apetite voraz dos players do varejo nacional por startups nos últimos anos, Magalu, B2W e Mercado Livre são potenciais interessados em realizar um M&A com o Mercado Radar para trazer um produto desenvolvido e pronto, direcionado aos vendedores, nos próximos anos.

Agora, para acelerar o desenvolvimento, ampliar sua base de clientes e, quem sabe, atrair a atenção de um grande player do segmento, o Mercado Radar está buscando sócios através da CapTable, hub de investimentos em startups da StartSe. Confira a oferta completa.

Quer saber antes sobre startups inovadoras e ter a chance de ser sócio desses negócios com crescimento acelerado? Conheça a CapTable, hub de investimento em startups da StartSe. Para ficar sabendo em primeira mão de novas oportunidades e entrar na Nova Economia em 2022, participe do grupo exclusivo do Telegram para avisos de novas captações. Se você quer captar conosco, saiba mais e se inscreva no nosso processo de seleção.


Assuntos relacionados

Imagem de perfil do redator

Victor Marques é Head de Conteúdo na Captable, maior hub de investimentos em startups do Brasil, que conecta seus mais de 7000 investidores a empreendedores com negócios inovadores. Escreve há mais de dois anos sobre inovação. Formado em Letras e Mestre em Linguística pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS).

Abra sua cabeça para as novas oportunidades!

Cadastra-se e receba diariamente o resumo do que importa com a análise do time StartSe!

Leia o próximo artigo