Sobre Nós
Para Você

NOVO

Para Empresas
Conteúdos
Eventos
Game Changers
Tools
NOVO

Para Você

Avance na carreira e renove seus conhecimentos na mesma velocidade que o mundo muda: na do AGORA

Ver todos

Cursos

Certificações internacionais inovadoras que trazem o que há de mais atual em gestão para um mundo em transformação

Imersões

Imersões executivas presenciais nos mais avançados polos de inovação e empreendedorismo do mundo

Tools

NOVO

As ferramentas de inteligência artificial desenhadas para o seu negócio

Conteúdos

Conteúdo diário sobre inovação, empreendedorismo e os temas mais relevantes do AGORA para que você não perca nada


Apple x Meta: Jogada ensaiada ⚽

CEO da Apple "alfineta" metaverso de Zuckerberg, mas existe uma estratégia por trás disso.

Apple x Meta: Jogada ensaiada ⚽

, Redator

7 min

13 out 2022

Atualizado: 13 dez 2022

Junior Borneli – fundador e CEO da StartSe

Na última semana, o CEO da Apple, Tim Cook, disse em uma entrevista que a Apple não está interessada no metaverso.

Tudo porque "não há consenso sobre o seu significado ainda" e os clientes dificilmente passarão horas dos seus dias com um óculos VR navegando por lá.

Essa decisão estratégica está dividindo opiniões: a empresa mais valiosa do mundo está fazendo uma escolha sensata, ou está prestes a cometer o maior erro da empresa dos últimos 21 anos?

Vale lembrar: que nos anos 2000, o CEO da Microsoft, Steve Balmer, ficou famoso quando foi questionado se o Iphone da Apple era uma ameaça ao Zune, smartphone da companhia.

A resposta foi clara: nós vendemos milhões de aparelhos todos os anos, e a Apple, ZERO. Duvido que empresários vão ter interesse em um celular que nem possui teclas para escrever seus e-mails.

A história provou que o deboche de Balmer ocasionou sua ruína, e a Microsoft saiu do mercado de celulares.

Será que o mesmo erro será cometido pelo chefão da Apple?

Olhando mais de perto, isso está mais para uma jogada ensaiada do que cegueira estratégica.

Tim Cook pode não estar entusiasmado com o metaverso e os óculos VR ainda, mas está super confiante de que a Realidade Aumentada (AR) será cada vez mais relevante nos próximos anos.

E quem tem o maior plataforma de Realidade Aumentada (AR) do mundo? Sim, a Apple.

Coincidência? Acredito que não.

A Apple não quer brigar com a Meta e o Google por uma tecnologia que promete revolucionar tudo, mas ainda está em fase de testes…

Gerando mais perguntas do que respostas, de fato.

Ela é uma das empresas mais super-capitalizadas do mundo. E quando o metaverso estiver maduro o suficiente, ela tem dinheiro em caixa para entrar com tudo nesse mercado "do dia para noite".

Mas só existe 1 Apple no mundo, e do outro lado: há milhões de executivos em empresas menos capitalizadas, que se perderem essa e outras oportunidades, não terão capital em mãos para surfar a onda.

Mas você tem 1 vantagem que a Apple não tem: tempo para aprender. 

De entender e dominar essas tecnologias e tendências enquanto elas têm poucas concorrentes, e pegar essa curva exponencial desde o começo.

Observando o que empresas maiores estão fazendo e aprendendo com seus erros e acertos

Você pode aprender agora mesmo o que grandes players em inovação e tecnologia estão fazendo com essas novas tendências, e se preparar PRIMEIRO, antes das suas concorrentes de mercado.

Ou esperar… sabendo que não terá força ou capital para surfar a onda, quando ela estiver passando bem na sua frente.

Diante de um 2023 cheio de dúvidas: conhecimento e agilidade, são suas principais vantagens.

Aqui está um caminho seguro para você começar 2023 surfando as ondas ao invés de ser atingido por elas.


Assuntos relacionados

Imagem de perfil do redator

Abra sua cabeça para as novas oportunidades!

Cadastra-se e receba diariamente o resumo do que importa com a análise do time StartSe!

Leia o próximo artigo