Stadia: o streaming de games do Google que funciona em qualquer dispositivo

Google anunciou nesta terça-feira o seu serviço de streaming de jogos virtuais que funciona direto do Chrome, dispensando consoles

0
shares

O Google anunciou nesta terça-feira a Stadia, plataforma de streaming de games. Durante o evento Games Developers Conference (GDC), em São Francisco, nos EUA, a empresa revelou que o serviço será capaz de rodar jogos virtuais de ponta, com alto desempenho, em qualquer dispositivo. Basta o jogador acessar a Stadia pelo navegador Chrome.

Sem a necessidade de um console próprio, portanto, a plataforma do Google se diferencia do Xbox (Microsoft), do Playstation (Sony) e do Switch (Nintendo). A Stadia dispensa instalações ou downloads e promete rodar em smartphones, tablets, smarTVs e computadores. Neste sentido, pode ser considerado como um “Netflix de games”.

O Google não foi específico em relação a data de início das operações do serviço. A Stadia chega ao mercado em algum momento de 2019 nos EUA, Canadá e parte da Europa. Para outras regiões, como o Brasil, não foi divulgada nenhuma previsão.

O único hardware apresentado pelo Google foi o Stadia Controller, que se assemelha aos controles do Xbox e ao do Playstation. A grande diferença fica por conta de um botão do Google Assistente, que permitirá rápido acesso ao assistente por voz da empresa. O controle havia sido antecipado por conta de uma patente já publicada pela marca de tecnologia. O valor do controle ou do serviço por assinatura não foram divulgados pela empresa.

Grandes jogos, alto desempenho

“Descobrimos que podemos levar qualquer jogo grande para qualquer dispositivo por meio do Google Chrome”, disse Sundar Pichai, CEO do Google, durante a apresentação da Stadia. Games serão transmitidos em 4K a 60 quadros por segundo (FPS) em uma conexão WiFi ou cabo de 25 mbps. A empresa promete dobrar esse desempenho e oferecer uma experiência de resolução de 8K a 120 FPS em um futuro próximo.

O marketing agressivo do Google ainda apresentou, na GDC, uma comparação da qualidade de processamento de imagem da Stadia em relação ao Xbox e ao Playstation. A plataforma online terá potência de 10,7 teraflops, mais do que o somado entre a dos dois consoles (6 teraflops e 4,2 teraflops, respectivamente).

Quais jogos estarão disponíveis no serviço? Isto ainda é uma incógnita. O primeiro game de renome anunciado foi o Doom Eternal, sequência do clássico Doom desenvolvida pela id Software. Além disso, foi divulgada a criação de uma divisão da Stadia de desenvolvimento de games exclusivos para a plataforma. Espera-se, porém, novos títulos de impacto até o início da operação.

Integração com YouTube

Um dos principais focos do Stadia será a fácil integração com jogadores que fazem streaming em vídeo ao vivo no YouTube enquanto jogam. De acordo com relatório da StreamLabs, mais de 750 mil pessoas assistiram a vídeos ao vivo de games no último trimestre do ano passado.

Na Stadia, jogadores poderão assistir aos jogadores e, com apenas um clique, se juntar ao streamer em uma partida multiplayer. Por outro lado, os usuários poderão compartilhar um momento exato de seu jogo na rede (de amigos ou geral) com um comando simples.

Junte-se a mais de 400.000 Empresários e Profissionais Para Conhecer os Negócios Mais Disruptivos do Mundo!

switch-check
switch-x
Nova Economia
switch-check
switch-x
Empreendedores
switch-check
switch-x
Investimentos
switch-check
switch-x
Startups
switch-check
switch-x
Ecossistema

Comentários